Newsletter

Nome:
E-mail:

Notícias

16/02/2012 - Excesso de glicose origina pé diabético

Pelo menos 15 por cento das pessoas com excesso de glicose no sangue (hiperglicemia) podem vir a sofrer de “pé diabético”, uma infecção que destrói os tecidos das extremidades inferiores, causada pelos danos que a doença provoca ao sistemas nervoso e vascular.
A afirmação foi feita na terça-feira pelo conceituado médico Javier Aragon no II Congresso Nacional de Ferimentos, que decorre em Madrid, Espanha.
Este transtorno, responsável por 70 por cento das amputações de pés na Europa, é consequência da desatenção, durante anos, com esta doença cada vez mais comum, que acaba por danificar os nervos e afectar a irrigação sanguínea, até ao ponto de provocar a perda de sensibilidade nestas extremidades inferiores.
Javier Aragon advertiu que basta uma pequena batida para causar um ferimento ao diabético, que não vai ser sentido pela falta de sensibilidade, impossibilitando assim o tratamento, o que geralmente origina uma colónia de bactérias e a consequente destruição do tecido.
O especialista recomendou um “controlo rigoroso da tensão arterial, dos níveis de colesterol” e desaconselha “totalmente o cigarro”. Outra orientação é caminhar uma hora por dia para favorecer a circulação, usar calçado adequado e prestar atenção à higiene.

fonte: jornal de Angola

Laboratório Grams Perini - Todos os direitos reservados

Fone: (51) 3653-3555