Newsletter

Nome:
E-mail:

Notícias

23/08/2012 - Álcool aumenta risco de câncer

Estudo provou a relação entre a bebida e o aparecimento de tumores. Asiáticos são mais vulneráveis.

Cientistas norte-americanos comprovaram, pela primeira vez, que o consumo de bebidas alcoólicas aumenta o risco do aparecimento de alguns tipos de câncer. Conforme os pesquisadores, substâncias formadas a partir da quebra de moléculas do álcool têm a capacidade de danificar o DNA, assim como ocorre com agentes cancerígenos.

Para comprovar a hipótese (levantada há, pelo menos, 30 anos), os cientistas fizeram testes com dez voluntários. Eles tiveram que beber doses crescentes de vodca (no limite de três) uma vez por semana. Ao analisar as células da boca dos voluntários, os pesquisadores descobriram que as alterações no DNA aumentavam até 100 vezes após o consumo da bebida.

“Nós agora temos a primeira evidência de que o “acetaldeído” formado após o consumo de álcool muda dramaticamente o DNA”, comentou Silvia Balbo, pesquisadora da Universidade de Minnesota e uma das autoras do estudo.

De acordo com Silvia, a maioria das pessoas tem um mecanismo de proteção natural muito eficaz contra o efeito do álcool no DNA, uma substância chamada “desidrogenase”.

Muitos asiáticos, porém, não têm essa enzima. Eles seriam cerca de 1,6 bilhão de pessoas, segundo a pesquisa.

fonte: Band

 

 

 

Laboratório Grams Perini - Todos os direitos reservados

Fone: (51) 3653-3555